A mesma paixão!

A mesma paixão!

Quando comecei a sonhar com as bibliotecas nas zonas rurais, enviei mensagens para minhas primas em Manaus, às amigas do peito dos tempos de outrora do CNSC em Parintins.

Logo na primeira tarde de domingo já tínhamos mais de oitenta livros.

Como eu queria logo abrir a caixa e ver se já tínhamos “ O Pequeno Príncipe“!

Naquela noite não saiu da minha cabeça que teria que enviar este livro à turma dos leitores.

Achei na internet uma loja virtual que vendia livros usados e lá estava quem eu queria: o livro de Antoine de Saint- Exupéry, um dos livros mais traduzidos da língua francesa.

Não sei quantas vezes já li este livro.

Sei que já o li quando estou triste, quando os problemas de ser adulto me cansam, ou para aliviar uma saudade que não vivi.

Este é também um livro que não sai de perto da minha cama e gosto de ler uma folha ou duas como forma de me comunicar com ele.

Espero que esta criança da Ilha do Valha tenha uma ótima viagem com „O Pequeno Príncipe“.

Fotos: Aline Inomata

Danilo Guaraci Wirtz

Schreibe einen Kommentar

Deine E-Mail-Adresse wird nicht veröffentlicht. Erforderliche Felder sind mit * markiert.